COLAGENOSES

As colagenoses são um grupo de doenças autoimunes complexas, com processos inflamatórios graves, que acometem o colágeno.

Podem atingir vários órgãos e sistemas do corpo, como pele, rins, pulmões, vasos sanguíneos. E os principais sintomas são lesões de pele, dores articulares, boca e olhos secos.

Algumas das principais colagenoses são: lúpus eritematoso, dermatomiosite, esclerodermia.

 

Lúpus

É uma doença autoimune com presença de auto-anticorpos que causam lesões em órgãos e células. Pode ser localizada ou sistêmica. Mais comum em mulheres jovens. Os sintomas podem ser leves a graves.

O lúpus cutâneo é caracterizado por manchas avermelhadas, principalmente em áreas expostas ao sol. As lesões também podem ocorrer no couro cabeludo, com queda de cabelo. O sol desencadeia as lesões.

O lúpus sistêmico pode acometer outros órgãos, além da pele, como rins, pulmões, articulações e vasos.

Diagnóstico

É feito através do quadro clínico e exames laboratoriais, como o FAN, hemograma, e outros anticorpos, além da avaliação da função renal.

 

Tratamento

O diagnóstico e tratamento precoces faz diferença na evolução.

Foto-proteção diária, filtro solar físico e contra luz visível.

Corticoides para diminuir o processo inflamatório e diminuir os níveis de auto-anticorpos.

Antimaláricos como a Cloroquina também são prescritos.

 

Esclerodermia

Afeta principalmente a pele e a circulação de sangue na pele, mas pode também atingir órgãos internos como pulmões, coração, rins e trato gastrointestinal.

 

Dermatomiosite

Outro tipo de doença autoimune, que compromete os músculos e a pele. Sua causa é desconhecida, podendo surgir em qualquer idade.

Os sintomas são: fraqueza muscular, mais comum no tronco.

As lesões de pele incluem manchas avermelhadas ou arroxeadas e descamações que pioram com o sol.

Abrir chat
Precisa de ajuda?