TRATAMENTO DE POROS DILATADOS

#Laser de CO2 fracionado

O laser de CO2 fracionado é um excelente tratamento para poros dilatados.

É um laser que atinge camadas profundas da epiderme, causando aquecimento das células e com isso, promovendo formação de novo colágeno. O segredo do tratamento para poros dilatados é o uso de baixas energias, com alta densidade, em repetidas sessões.

Como o laser não é tão profundo, a recuperação é mais rápida.

Os efeitos são sentidos logo nos primeiros dias após a aplicação, com resultados máximos de três a seis meses depois, quando ocorre a remodelação do colágeno.

Um total de quatro a seis sessões são necessárias.

 

#Skinbooster

Os Skinbooster agem suavizando os poros, com melhora progressiva da hidratação e textura da pele, pelo aumento da síntese de colágeno no local.

Normalmente são feitas três sessões mensais e deve ser repetido uma vez ao ano.

 

#Microagulhamento (IPCA)

O microagulhamento é um procedimento muito realizado e procurado atualmente. É uma técnica relativamente simples, com preço acessível e que melhora muito a qualidade da pele.

Utilizamos um equipamento pequeno, o Dr Roller® que nada mais é que um roller com centenas de micro-agulhas, que deslizam na pele, promovendo formação de colágeno e elastina, com intensa renovação celular. As áreas que ficam intactas, sem furinhos, ajudam na regeneração da pele. A melhora acontece pela síntese de colágeno novo no local da aplicação e ao redor dos poros.

A aplicação leva em torno de quarenta minutos a uma hora. Aplica-se um anestésico tópico trinta minutos antes.

Para poros dilatados, utilizamos as agulhas de 2,0mm de profundidade.

O número de sessões também depende da resposta da pele, mas normalmente são de quatro a seis. Em intervalos de trinta a sessenta dias.

 

#Radiofrequência

O aparelho de radiofrequência age aquecendo o colágeno, enquanto a epiderme é resfriada para proteger do calor. Com isso, há formação de novo colágeno e melhora da flacidez na região.

A melhora da produção de colágeno ajuda a fechar os poros.

São necessárias de quatro a seis sessões, semanais. Depois deve-se programar manutenções a cada 3 meses para manter os resultados.

Não há necessidade de afastamento das atividades diárias, pois somente fica uma leve vermelhidão após a aplicação.

 

#Peeling Químico

Os peeling químicos consiste na aplicação de determinadas substâncias químicas sobre a pele, para renovar suas camadas, causando descamação e melhorando os poros dilatados também.

A melhora não é permanente, pois os poros tendem a retornar, especialmente em peles mais oleosas.

Os mais utilizados são:

  • Ácido retinóico
  • Ácido glicólico
  • Ácido salicílico
  • Ácido láctico

#Peeling de Cristal

O peeling de cristal é uma dermoabrasão mecânica superficial da pele, que causa uma esfoliação e ajuda na diminuição dos poros dilatados.

A melhora, no entanto, como nos peelings químicos, não é permanente.

O peeling é feito com um aparelho que faz uma sucção na pele e também libera cristais de alumínio, promovendo a esfoliação da pele e removendo as impurezas e células mortas na superfície.

A sessão dura em média vinte minutos. E pode ser repetida a cada 20 dias.

Cuidados com filtro solar e uso de calmantes hidratantes para a pele é recomendado.

#Peeling de diamante

O peeling de diamante é semelhante ao de cristal, mas se utiliza uma lixa de diamante, podendo ser mais profundo que o de cristal.

Abrir chat
Precisa de ajuda?